• Eleição para diretor de escolas municipais


    É claro que não estou falando do município de Marabá, ainda vai demorar um pouco para darmos esse passo democrático, a cidade em questão é Santarém, no Baixo Amazônas, não à toa, a cidade figura como a terceira mais importante do estado, atrás de Belém e Ananindeu (Marabá é a quarta).
    Os santarenos vão, por meio de eleição direta, escolher Diretores Escolares e seus Vices, ao todo 191 vagas, o edital de convocação com as normas da eleição foi publicado no site PCI concursos (CLIC AQUI PARA VER).
    Muitos estados e municípios já deixaram de ver o cargo de diretor escolar como cargo de confiança, na verdade, na prática, deve gerir uma escola o profissional qualificado que tenha a "confiança" da comunidade escolar, uma eleição por si só não garante uma gestão escolar, por outro lado apontar um (a) diretor (a) e o (a) deixar intocável até que o próximo governante resolva fazer a substituição a seu bel prazer, ou ainda, esperar que essa pessoa se aposente no cargo ou faleça para só então permitir o rodízio na gestão, isto se afasta ainda mais do processo democrático.
    E Marabá, quando é que a câmara de vereadores vai votar uma lei exigindo eleição para diretores? Ah! Não pode ser agora, afinal apontar diretores é também uma forma de garantir votos e agradar correligionários. Vamos esperar, esse município terá que evoluir, pode ser devagar, mas um dia evolui.
  • Outras postagens que podem ser do seu interesse

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Deixe seu comentário